Mundo Desencantado



Estão na moda as histórias ridículas de vampiros que andam na rua em plena luz do dia, namoram com seres humanos e frequentam o liceu público. Séries de feiticeiras sexy que namoram com demónios, combatem outros demónios, têm o seu próprio trabalho, sim porque matar demónio não dá dinheiro, ainda arranjam tempo para arrumar a casa sem utilizar a magia! Será que mesmo a bruxa mais poderosa e cruel se transforma em fada do lar ao final do dia?
Francamente não percebo o fascínio que alguns têm por esse tipo de série.

No meu tempo não havia nada disto, as séries tinham qualidade e não se desrespeitavam as tradições.
Os vampiros eram assustadoramente feios (excepto o Gary Oldman que ficou de me morder o pescoço e até hoje NADA e francamente já não se pode contar com esta gente, Gary se me ouves o meu amor por ti continua incondicional apesar de teres andando a combater com uma varinha num filme de putos e teres ficado ridículo EU perdoo-te.) e bruxos e bruxas tinham verrugas no nariz, mau hálito e viviam em grutas escuras e húmidas o que era péssimo para os ossos e os coitados andavam sempre curvados e tinham artroses.

Não quis perder a oportunidade de vos falar na La Caverne de la Rose d'Or, uma série sobre o mundo fantástico, cheia de feiticeiros, fadas e princesas e com efeitos especiais-muito-maus-mas-fazemos-o-que-podemos-com-o-pouco-dinheiro-que-nos-dão. Já é antiga mas mesmo assim perfeita, não lhe falta nada para ter sucesso. Não perdi um único episódio e creio que depois de verem as imagens do Tarabas, o feiticeiro negro e cruel que se tornou bonzinho por amor e que também ficou de me levar à gruta dele tomar um cházinho e até hoje nada, vão logo comprar o coffret DVD da série, nem que seja para mo oferecer!



Euh… eu era adolescente e mais importante, o homem é um feiticeiro meio amaricado, não havia como lhe resistir, está bem?

Ai meu deus aqueles olhos, aqueles olhos...

13 comentários:

Vani disse...

LOOOOL, oh pah, eu gosto de vegetar frente a essas histórias ridiculas! Mas agora ando mais numa de seguir a sugestão do grassa e ver o zombieland, quando tiver tempo...
Passei para te mandar uma beijoca, que tenho de me despachar a voar, que hoje vai ser a doer até às dez da noite... :( nem tempo pra café vou ter...lolol, agora ando mais virada pró guaraná ehehehe, que tenho de ter energia para o que me espera...

BOM ANOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO! :)))

Rodovalho Zargalheiro disse...

Sou só eu que identifico um certo paradoxo neste texto?... ;)

Isa disse...

Nawita Maria!!! começaste este ano en grande mulher, muito inspirada, parabéns pelo texto!

Já nem em vampiros se pode confiar?
tu não me digas! que eu tinha aí um ou outro a quem queria oferecer o meu sangue ... opá ...

Ojolhos ... ahhh ojolhos ...

Nawita disse...

Vani,

Bom Ano para ti também!

Zombieland? Também gostas de zombies?
Eu prefiro o meu bruxo e vampiro jeitoso:)

Nawita disse...

RZ,
Acho que és só tu que viste isso. Até porque a minha devoção a esta série e seus personagens não tem nada, mas nada que se compare com essas pitas malucas que adoram o lua nova ou lá o que é... nada, nada, nada ;)

Nawita disse...

Isa,
Obrigada!
Pois é assim, prometem e depois não cumprem uma tristeza. Olha vai ao Banco de sangue do hospital da tua zona que lá ao menos cumprem o que prometem.

Aqueles olhos de bruxo são terríveis, não olhes fixamente que ficas enfeitiçada.

AD disse...

O Nosferatu é que nunca se lembrou de ir à C+S lá da terra para engatar miúdas.

Rodovalho Zargalheiro disse...

Parvoíce minha... Estava a pensar noutro texto... :)

Isa disse...

Nawita ...

hã ...?


ojóólhos ... ojólhoooos .....

Vani disse...

Não gosto de zombies, mas gosto do woody harrelson eheheh. E pareceu-me um filme de zombies a gozar. Filmes de zombies a gozar já gosto, porque sei que não são verdade. Já os filmes de zombie a sério...eh pah,...

:D

bem, eu gosto do lobisomem do lua nova, pah. Puto bom, pah.

Nawita disse...

AD,

E o sucesso que ele teria com as adolescentes borbulhentas e revoltadas com o mundo e que pensam que só cá estão para sofrer!

RZ,
Pois bem me pareceu, até porque paradoxo, para mim, só o bucco e com risotto de cogumelos!

Nawita disse...

Isa,
Bolas pá melher, caíste outra vez não é?


Eu também, e gosto tanto…

Vani,

Zombies a gozar já pode ser, a sério metem muito medo e tenho amor ao meu cérebro de ervilha.

Lobisomens não gosto muito, prefiro o vampiro, tem menos dentes. É que o lobisomem com aquele pelo todo não deve cheirar lá muito bem agora com esta chuva toda.

Rodovalho Zargalheiro disse...

Vampires do it better