Café com sentimento


Tenho o coração a sangrar e sinto-me também envergonhada por pertencer à raça humana.
Vou cortar no café!
.

12 comentários:

Vício disse...

não sei porquê essa vergonha!
há algo chamado "personalidade" que nos consegue tornar diferentes de todos os outros...

Vani disse...

Ora bem, o vicio já o disse. Como diria a anatcat,

encafeza-mos!

Rei da Lã disse...

Antes cortar no café do que no bagaço.

Nawita disse...

Vicio,

Pois é, mas acabamos sempre por nos sentir responsáveis pelo comportamento dos nossos semelhantes.
Estou a tentar curar-me!


Vani,

LOL
Estou a beber chá, se quiseres ficar chalada comigo é só dizer!


Rei,
Tens razão, o bagaço para além de aquecer adormece, deve ser muito bom para o reumático, para a saúde em geral!

Vani disse...

LOLOL, nina, sou mais de café... chá, só mesmo de tília, para acalmar o efeito do café e do guaraná...eheheheh

anatcat disse...

oh pá,
com este post não consigo lá muito parodiar...

o meu 1º gato, O Baltazar, um persa lindo, veio lá para casa já com 1 ano porque os donos não o queriam mais porque tinham outro persa mais bonito e + cães e os 2 persas rivalizavam... tenho tantas saudades dele, a Miúfa, uma europeia rafeirosa verde seco tigrado veio já com 5 anos porque a tarada da dona foi para outro país e tinha 7 gatos todos lindos, a Miúfa, já velhota, de barriga descaída ninguém queria, não sabem o que perderam, eu sei, tanta lágrima me lambeu, tanto ron ron, que saudades... e disse, não quero mais, não aguento que outro gato me morra, até que um dia fui sair à noite, e a besnica da bea lá estava, ainda meio bébé, rodeada de bêbados a mexerem-lhe e achar piada a brincadeiras parvas... claro que a trouxe... e somos tão, mas tão felizes por estar juntas...

Aqui no escritório, nas traseiras, há uma gatinha, que alimentamos e damos a pílula, mas sempre que teve ninhadas recorri à felinus, e sim, tive que fazer armadilhas, e levá-los para casa até os entregar às famílias de adopção... mas faço isso tudo... e quando tenho esse trabalho e "chatices", juro, mas juro que adormeço uma mulher muito muito muito mais feliz...

pronto, 'tou ca lágrima no olho...

vá "acarinha-mos" :)

A disse...

o que ele sente sei eu, é fome!

anatcat disse...

A,
deves estar a brincar comigo

FOFUXO e GORDO como és(somos)

sabes lá tu o que é fome :D

A disse...

...ok, mas tu tás-me a ver com cara de gaja, para ficar insultado por me chamares gordo?

fofuxo, sim, é pouco másculo. barriga é coisa de homem, de compincha, um gajo da malta. não lhe chamam barriga de cerveja, por nada.

Nawita disse...

Anatcat,
Toma lá muitos carinhos 
É verdade que os nossos bichanos nos fazem muita companhia e acabam por nos compreender!


A,

Pois pode ter fome também, tens razão.
Eu também não gosto que me chamem de fofinha, prefiro que me digam sem rodeios que estou gorda!
Eu tenho espelho!

A disse...

não, não. vos não me estais a perceber. a única coisa que qualquer cão sente é fome. abres um saco de ração de 30 kilos e o lambão não sai de lá enquanto não o tiver despejado.

Nawita disse...

Ah ah ah
Isso é verdade, mas se deres uma grade de cerveja a um homem ele também não a larga enquanto não tiver bebido tudo!


...



Bolas que hoje andas cheio de razão!